22/04/2024 - Edição 540

Legislativo

Abril Vermelho: Zeca articula ação conjunta com Estado para promover reforma agrária em MS

Deputado também apresentou ao governador o projeto das “prateleiras de terra”, do Governo Federal, que cataloga áreas a serem destinadas para a reforma agrária

Publicado em 18/03/2024 2:47 - Semana On

Divulgação ALEMS

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Em agenda com o governador Eduardo Riedel, o deputado estadual Zeca do PT articulou ações relacionadas ao movimento “Abril Vermelho”, mês no qual são realizados atos em defesa da agricultura familiar e promoção da reforma agrária.

O parlamentar reforçou seu compromisso de atuar em conjunto com o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e o Ministério do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (MDA) para fortalecer e criar mecanismos que impulsionem a produção dos trabalhadores do campo.

“O governador se mostrou sensível ao tema e compromissado em promover o desenvolvimento da agricultura familiar”, celebrou o parlamentar, que participou da agenda acompanhado pelo superintendente regional do Incra, Paulo Roberto da Silva, e pela coordenadora regional do MDA, Marina Nunes.

Zeca também apresentou ao governador Riedel o projeto das “prateleiras de terra”, do Governo Federal, que cataloga áreas a serem destinadas para a reforma agrária.

“Discutimos sobre as áreas que foram levantadas para compor as prateleiras de terra – que são fazendas que possuem dívidas com instituições financeiras, tiveram registros de trabalho escravo ou estão ligadas ao narcotráfico – e são disponibilizadas para promover a reforma agrária. O levantamento do Incra aponta que há cerca de 200 áreas com este perfil no Brasil, sendo que 52 estão em Mato Grosso do Sul. Em breve, devem ser feitas vistorias nessas áreas e o Incra atuará no cadastro de acampados. Ficamos otimistas em ter o apoio do governador na execução desses trabalhos”, enfatizou o deputado e ex-governador.

Segurança no campo

No mesmo dia, Zeca, Paulo Roberto e Marina também participaram de agenda com os secretários Antônio Carlos Videira (Sejusp), Eduardo Rocha (Casa Civil) e Helio Peluffo (Seilog), com a procuradora-geral do Estado, Ana Ali Garcia, e com o desembargador Marcos José Rodrigues, que é coordenador do Núcleo de Mediação de Conflitos no Tribunal de Justiça (TJMS), para garantir que as ações do Abril Vermelho sejam executadas com segurança.

“Queremos que os defensores da reforma agrária possam se manifestar neste movimento pacífico com segurança e ordem”, finalizou Zeca do PT.


Voltar


Comente sobre essa publicação...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *