13/06/2024 - Edição 540

Legislativo

Fake news prejudicam povo gaúcho que enfrenta tragédia, alerta Pedro Kemp

Deputado divulgou locais de entrega de donativos em Campo Grande

Publicado em 17/05/2024 5:38 - Semana On

Divulgação ALEMS

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O deputado estadual Pedro Kemp (PT) fez um alerta sobre os estragos causados pelas fake news propagadas com intuito de prejudicar o Governo Lula e o trabalho de socorro às vítimas da tragédia no Rio Grande do Sul. Governo federal destina mais de R$ 62 bi para resposta à catástrofe no Rio Grande do Sul.

Pedro Kemp, além de pontuar todas as mentiras divulgadas nas plataformas digitais, o parlamentar citou o Artigo 287 do Código Penal que prevê como pena a detenção de um a três anos e multa para os criminosos.

Eis aqui as últimas fake news que atrapalharam os trabalhos humanitários para o Rio Grande do Sul:

1) Governo Federal estaria proibindo a entrada dos caminhões com doações para o RS – A dona do caminhão confirmou, através de nota de esclarecimento, que o veículo seguiu viagem e que os donativos chegaram ao destino correto, sem cobrança de multa alguma.

2) Governo Federal estaria vetando a entrada de medicamentos como doações ao RS

3) Governo Federal estaria proibindo a entrada dos donativos de Portugal para o RS – 200 toneladas já chegaram no RS

4) Uma das principais Fake News divulgadas no período diz que o Governo Federal teria destinado R$ 60 milhões ao show da Madonna, no lugar de mandar ao Rio Grande do Sul. Isso é mentira, uma vez que essa quantia para a apresentação da artista foi dividida entre prefeitura e governo do estado do Rio de Janeiro, além dos patrocinadores Itaú e Heineken – sem qualquer participação federal. Outra inverdade foi de que a cantora teria destinado R$ 10 milhões sendo que a doação foi do banco Itaú.

5) Outras postagens falsificaram vídeos de Will Smith e Beyoncé e diziam que ambos haviam criticado Madonna, por fazer show no Brasil enquanto os temporais castigavam o estado gaúcho. Contudo, na verdade, as traduções em português foram forjadas por meio de Inteligência Artificial.

6) Com fronteira com o Rio Grande do Sul, o Uruguai ofereceu ajuda aos gaúchos por meio do empréstimo de um helicóptero com equipe completa de resgate, para auxiliar no salvamento das pessoas em dificuldades.

No entanto, mensagens circularam nas redes sociais com a indicação de que o governo brasileiro teria recusado a oferta de ajuda uruguaia para as operações de socorro das vítimas. Isso também foi uma mentira divulgada.

7) O helicóptero da Força Aérea do Uruguai não somente foi aceito como está em operação no estado gaúcho.

8) Também tem sido circulado nas redes sociais um vídeo que insinua que a Secretaria da Fazenda do Rio Grande do Sul estaria barrando a entrada de doações, com retenção para cobrança de impostos.

Doações

Em Mato Grosso do Sul, as doações podem ser feitas nas escolas estaduais, unidades policiais e nos CTGs. Em Campo Grande os Centros de Tradições Gaúchas são: O CTG Tropeiros da Querência fica na Rua Miguel Sutil, 445, Vila Vilas Boas. Os atendimentos acontecem das 8h às 22h.

Outros CTGs também estão abertos a doação, inclusive no interior:

CTG Tropeiros da Querência, em Campo Grande: Rua Miguel Sutil, 445, Vilas Boas. Horário: das 13h às 19h.

CTG Farroupilha, em Campo Grande: Av. Pref. Herácalito Diniz de Figueiredo, 930, Monte Castelo. Horário: das 8h às 18h.

CTG Nova Querência, em Maracaju: 876, Av. Perimetral Norte, 744 – Alto Maracaju.

CTG Querência da Saudade, em Ponta Porã: Rua Jorge Roberto Salomão, 1740, Vila Ferroviária II.

CTG Querência do Sul, em Dourados: Cueca supermercado, Rua Ver. Vitório Pederiva, 343, Jardim Flórida.

CTG Sentinela de Amambai, em Amambai: caminhão estacionado na Praça Central da cidade.


Voltar


Comente sobre essa publicação...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *