29/02/2024 - Edição 525

Legislativo

Pesquisa aponta como positiva a atuação legislativa do Vereador Delegado Wellington

Publicado em 20/10/2017 12:00 -

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Foi divulgada na última quarta-feira (18) uma pesquisa que apontou a atuação parlamentar do vereador Delegado Wellington (PSDB) como positiva. Os dados foram coletados em Campo Grande com 1.000 entrevistados entre os dias 9 e 16 de outubro deste ano.

De acordo com os resultados da pesquisa, o vereador Delegado Wellington aparece como um dos parlamentares mais atuantes na Casa de Leis: 1,36% dos entrevistados responderam que o vereador é um dos mais atuantes em Campo Grande.

Já em um outro ponto apresentado no resultado da pesquisa, a questão da Segurança como por exemplo falta de policiamento, aumento de roubos, furtos e assaltos, ficou em 5º lugar em relação aos principais problemas da Capital. Para o Delegado Wellington isso é um reflexo que o trabalho está sendo realizado da forma correta.

"Tivemos a aprovação do Plano Municipal de Segurança Pública, que foi um grande avanço para se trabalhar a temática em Campo Grande. O trabalho que estamos realizando pela cidade já apresenta resultados positivos, não só com o resultado dessa pesquisa, mas com a aprovação de vários Projetos de Leis. Entre eles o Núcleo de Pesquisa e Análise Criminal de Dados sobre Segurança Pública que foi sancionado e publicado hoje no Diário Oficial", explica o Vereador.

Confira a seguir os Projetos de Leis de autoria do Vereador Delegado Wellington que já são Leis em Campo Grande:

– Lei 5.793/17 – Dispõe sobre a Organização Administrativa do Poder Executivo de Campo Grande.
– Lei 5.865/17 – Institui o Plano Municipal de Segurança Pública de Campo Grande.
– Lei 5.856/17 – Estabelece diretrizes para a Política de Combate à Violência nas Escolas da Rede Pública Municipal de Ensino.
– Lei 5.815/17 – Institui o dia 16 do mês de novembro como O Dia Municipal de Combate à Corrupção no município de Campo Grande.
– Lei 5.881/17 – Implantação e operacionalização de drones para o apoio às ações de segurança comunitária da Guarda Civil Municipal de Campo Grande.
– Lei 5.876/17 – Cria no âmbito da SESDE (Secretaria Especial de Segurança e Defesa Social) a CATVV (Central de Acolhimento ao Turista Vítima de Violência).
– Lei 5.816/17 – Institui o Dia Municipal do Agente de Segurança e dá outras providências.
– Lei 5.895/17 – Cria o Núcleo de Pesquisa de Dados e Análise Criminal de Dados sobre Segurança Pública na SESDE (Secretaria Especial de Segurança e Defesa Social).

Plano Municipal de Segurança Pública

O Plano Municipal de Segurança Pública foi aprovado em 18 de setembro de 2017. O Plano, que agora é a Lei 5.865, possui seis eixos básicos de trabalho: Prevenção e Controle de Delitos; Fortalecimento da Relação Polícia, Comunidade e Justiça; Contexto Sócio Urbanos Seguros; Prevenção da Violência Contra a Infância, Adolescente, Mulher e Idoso; Redução dos Fatores de Risco e Fortalecimento da Coesão Social.

Com a Lei é possível oferecer condições dignas aos moradores da cidade de Campo Grande, assegurando-lhes a promoção de políticas públicas de prevenção da ordem pública, do patrimônio e também da prevenção às drogas. Além disso, a Lei prevê a integração dos Conselhos Municipais, valorização dos profissionais da Guarda Municipal, ampliação de ações preventivas de educação no trânsito e ainda garante recursos para a área de segurança pública", explica o parlamentar.


Voltar


Comente sobre essa publicação...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *