15/06/2024 - Edição 540

Ecologia

Volkswagen apresenta o Scirocco com novo visual e motores mais fortes

Publicado em 24/02/2014 12:00 -

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

A Volkswagen está comemorando os 40 anos do Scirocco com uma reestilização do cupê. Apresentado ao mundo no Salão de Genebra de 1974, o modelo que nunca foi vendido no Brasil ganhou atualizações no desenho e uma nova oferta de motores. A apresentação oficial está prevista para o Salão de Genebra, no início de março.

A terceira geração do Scirocco foi lançada em 2008, e ainda não havia passado por grandes mudanças. Agora, o cupê ganha novos para-choques, com linhas mais agressivas, grade redesenhada e faróis com nova disposição de luzes e iluminação bi-xenônio. Segundo a Volkswagen, o conjunto ótico dianteiro foi inspirado no Golf GTI.

O logotipo segue posicionado fora da grade, no capô. Além do Scirocco, os únicos carros da marca com essa característica são o Fusca (Beetle no exterior) e XL1. Na traseira, a novidade está por conta das lanternas de LED.

O material do acabamento no interior foi melhorado, segundo a Volkswagen. Acima das saídas de ar, surgem três novos mostradores, que exibem informações de temperatura de óleo, cronômetro e manômetro do turbo. O volante ganhou o novo padrão da Volkswagen, com centro redondo e base reta, enquanto o grafismo do quadro de instrumentos foi inspirado no Golf.

A maior novidade, no entanto, é o acréscimo de potência na linha de motores. São seis propulsores, cinco deles a gasolina, e todos equipados com turbo. No mais fraco, o 1.4 a gasolina, a potência aumentou de 122 para 125 cavalos. No outro extremo, o 2.0 TSI da versão R, que rendia 265 cv, agora tem 280 cv. Segundo a Volks, além de mais potentes, os motores estão até 19% mais econômicos.


Voltar


Comente sobre essa publicação...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *