29/05/2024 - Edição 540

Campo Grande

Campo Grande implanta atendimento pioneiro no país para ampliar a oferta de serviços em fisioterapia

A ideia é ampliar o acesso à fisioterapia em situações em que a telesaúde pode atuar

Publicado em 11/04/2024 3:28 - Semana On

Divulgação PMCG

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Campo Grande dá um passo à frente no atendimento em saúde com a implementação de um projeto pioneiro no Brasil: a Teleinterconsulta e Teleconsulta em Fisioterapia. A iniciativa, uma colaboração entre a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), o Ministério da Saúde, através da eMulti – Equipe Multidisciplinar, e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), por meio do projeto Territórios Integrados de Atenção à Saúde de Campo Grande (Teias), promete revolucionar o atendimento em fisioterapia no município com a ampliação da oferta do serviço, por meio do uso da telessaúde.

As indicações para esse tipo de tratamento são muito específicas. Trata-se de uma abordagem que não cabe para todas as pessoas que precisam de fisioterapia. A ideia é ampliar o acesso à situações em que a telesaúde pode atuar.

“Os casos que necessitarem de tratamentos presenciais, seja na Atenção Especializada ou nas Unidades de Saúde, não serão tratados pela telesaúde. Será realizada uma avaliação criteriosa pelos profissionais da fisioterapia envolvidos no projeto para dar o seguimento terapêutico de acordo com as necessidades de cada caso”, explica a professora doutora Leila Foester Merey, apoiadora do projeto Territórios Integrados de Atenção à Saúde (TEIAS).

A secretária municipal de Saúde, Rosana Leite de Melo, enfatiza que o projeto visa não apenas atender a demanda reprimida por serviços de fisioterapia, mas também melhorar a qualidade da assistência à população. “Este projeto contribuirá significativamente para reduzir a fila de espera, promovendo um atendimento de maior qualidade”, afirmou.

Inicialmente, o serviço estará disponível na Unidade de Saúde da Família (USF) do Bairro Santa Emília, escolhida por sua alta demanda na especialidade de fisioterapia e por estar fora da área de cobertura da equipe multiprofissional eMulti. A expectativa é realizar cinco atendimentos diários no período noturno, com planos de expansão para outras oito unidades até o final do ano.

Além de aumentar o acesso ao atendimento, Leila Merey ressalta os benefícios adicionais da telessaúde, como a redução do tempo de deslocamento, custos e absenteísmo.  Ela explica que o profissional poderá avaliar a necessidade de manter o paciente na fila de espera ou não, otimizando o processo de atendimento. “E isso será fundamental para avaliarmos de maneira mais efetiva a necessidade desse paciente e determinar a melhor conduta”, diz.

O processo inicia com uma interconsulta mediada por um profissional da unidade de saúde, que conectará o paciente ao fisioterapeuta especialista. Ele avaliará o tipo de conduta necessária. Os pacientes poderão realizar os exercícios de reabilitação em casa, com acompanhamento remoto e, conforme sua necessidade, fará retornos programados à unidade para atendimento.

Para Paulo Henrique Scherer, primeiro paciente atendido na USF Santa Emília, a experiência foi muito positiva. “É algo diferente do que a gente está habituado, mas irei seguir todas as recomendações e espero ter uma melhora”, disse.

Uso da tecnologia

Desde dezembro de 2021, o município de Campo Grande já faz uso da tecnologia como aliada no atendimento na área da Saúde. A Capital foi o primeiro município de Mato Grosso do Sul a implantar o serviço de Teleinterconsulta em unidades da Atenção Primária.  Essa modalidade permite a interação direta entre paciente, médico assistente e especialista, com atendimento por web conferência.

Já está operacional em doze unidades de Atenção Primária, com atendimento por web conferência. Iniciado nas USFs Moreninhas e Tiradentes, o serviço foi expandido para outras dez unidades, abrangendo as especialidades de Cardiologia, Gastroenterologia e Nefrologia, beneficiando mais de 100 mil pessoas.

Existe ainda a expectativa de implementar o serviço Telepsicologia em breve, na modalidade de Teleconsulta.


Voltar


Comente sobre essa publicação...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *