25/05/2024 - Edição 540

Mato Grosso do Sul

‘O Avesso da Pele’: livro censurado retorna às bibliotecas de escolas públicas de MS

O recolhimento dos exemplares no estado aconteceu no último dia 6 de março. Na ocasião, trechos da obra foram considerados “impróprios”

Publicado em 25/04/2024 11:02 - G1MS

Divulgação Foto: Reprodução/RBS TV

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Os exemplares do livro “O avesso da pele”, do escritor Jeferson Tenório, retirados das bibliotecas públicas de Mato Grosso do Sul no último dia 6 de março, por determinação do Governo do Estado, por conter trechos considerados “impróprios”, estão sendo devolvidos às bibliotecas das escolas públicas do estado.

A devolução ocorre após uma análise realizada pela equipe técnica da SED (Secretaria de Educação).

Em nota, a SED informou que, “após análise realizada pela equipe técnica da pasta, a obra está em processo de devolução para as bibliotecas das unidades escolares da Rede Estadual de Ensino, com as orientações pedagógicas quanto à indicação de uso”.

Confira trecho da nota divulgada antes do recolhimento:

“A medida se dá em função da linguagem utilizada em trechos do referido material, contendo expressões consideradas impróprias para a faixa etária da maioria dos estudantes atendidos pela REE (menores de 18 anos), com o uso de termos e jargões que inviabilizam a utilização pedagógica no ambiente escolar”.

A obra foi publicada em 2020 e narra a história de Pedro, que teve o pai assassinado em uma abordagem policial.

O racismo é um dos temas abordados no livro, que venceu o Prêmio Jabuti em 2021, considerado o mais importante da literatura brasileira.

“O avesso da pele” integra o Programa Nacional do Livro Didático (PNLD), do Ministério da Educação (MEC), que compra e distribui livros didáticos para escolas públicas no Brasil.


Voltar


Comente sobre essa publicação...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *