22/02/2024 - Edição 525

Legislativo

Plano Municipal de Segurança Pública é apresentado ao Capitão da Gendarmaria Nacional Francesa pelo vereador Delegado Wellington

Publicado em 27/11/2017 12:00 -

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Na manhã da última sexta-feira (24) o vereador Delegado Wellington (PSDB) apresentou o Plano Municipal de Segurança Pública, Lei 5.865/17 ao Capitão da Gendarmaria Nacional Francesa, Filipe Joaquim. Durante a visita ao parlamentar, o Capitão Filipe Joaquim reconheceu a importância do Plano Municipal de Segurança Pública e ressaltou a necessidade de se trabalhar de forma unificada dentro da Segurança Pública.

A Lei 5.865/17 foi apresentada por meio da assessoria do parlamentar, ao Capitão Filipe, em primeira mão, na noite de quinta-feira (23) durante o 1º Fórum Estadual de Segurança Pública que aconteceu no auditório da OAB MS (Ordem dos Advogados do Brasil de Mato Grosso do Sul).

Durante a apresentação da Lei Municipal, o Capitão Filipe teve a chance de conhecer a estrutura e como seria realizada a implantação das propostas apresentadas nos Eixos do Plano Municipal de Segurança Pública. Ainda de acordo com o Capitão não é possível realizar uma comparação entre França e Brasil em relação a implantação do Plano, pois são duas realidades diferentes mas que o Plano Municipal de Segurança Pública é o começo para que alguns problemas enfrentados na área da sejam resolvidos.

Para o Vereador Delegado Wellington a Lei 5.865/17 é uma perspectiva positiva para resolver questões ligadas aos problemas que surgem na área da Segurança Pública.

"Quando o Plano foi elaborado tive o cuidado de coletar informações e buscar uma forma viável para resolver os problemas enfrentados na área da Segurança Pública. E o Plano Municipal tem como objetivo permanente proporcionar à população de Campo Grande condições dignas que assegurem a promoção de políticas públicas de preservação da ordem pública, da incolumidade das pessoas, do patrimônio e de prevenção às drogas e ações nas áreas de atuação que envolvem diversos órgãos e entidades municipais no desenvolvimento das atividades de forma horizontalizada, planejada, coordenada, executada e organizada, subordinada a um comando normativo comum, com base em estudos técnicos e dados estatísticos e de análise criminal para realizar combate aos indicadores de criminalidade; implantação de políticas públicas preventivas em todas as áreas da administração pública municipal; gestão estratégica do Sistema de Segurança Pública Municipal", explica o Vereador Delegado Wellington.


Voltar


Comente sobre essa publicação...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *