15/06/2024 - Edição 540

Viver Bem

Dor nas costas

Publicado em 12/03/2014 12:00 -

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Problemas na coluna costumam ficar muito mais visíveis no verão já que as pessoas usam roupas mais leves e mostram mais o corpo. A escoliose é um dos tipos mais comuns. Trata-se de uma alteração no alinhamento da coluna, que sofre uma rotação e fica similar à letra "S", deixando ainda um dos ombros mais baixo do que o outro. Além da aparência, esse problema, que é mais comum em mulheres e adolescentes, pode também provocar dores musculares.

O diagnóstico é feito através de uma radiografia que mede o ângulo que a coluna faz – se tiver menos de 20 graus, é só acompanhar a evolução para ver se não piora; se tiver entre 20 e 40 graus, é preciso usar um colete para ajusar a coluna; se tiver mais de 40 graus, o médico pode indicar até mesmo a cirurgia.

Além da aparência, a escoliose, que é mais comum em mulheres e adolescentes, pode também provocar dores musculares.

O ortopedista e cirurgião da coluna Rafael Pratali alerta que a grande maioria dos casos é considerada escoliose de baixo grau e apenas hábitos saudáveis, como esporte, caminhada e fisioterapia, já ajudam a corrigir e a tratar.

Estima-se que 80% das pessoas terá dor nas costas em algum momento da vida e, em alguns casos, a culpada é a escoliose – no entanto, a maioria dos casos não causa dor ou incômodo.

A pediatra Ana Escobar explica que a dor nas costas é um sintoma de uma série de doenças, desde problemas na coluna, como hérnia de disco, ou em outras partes no corpo, como pedra nos rins, disfunção na ATM ou até endometriose. Por isso, é sempre importante investigar.


Voltar


Comente sobre essa publicação...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *