02/03/2024 - Edição 525

O Som e a Fúria

É cada um por si e seus seguidores

Todos hipnotizados pelo feed ou presos nas próprias bolhas onde as curtidas são irresistíveis

Publicado em 06/12/2023 12:04 - Felipe Chaves

Divulgação Victor Barone - Midjourney

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O Brasil viveu e ainda vive a era do oito ou oitenta, onde a lua está na casa dos idiotas mais convictos.

Esquerda ou direita? Ser a favor ou anticiência? A terra tem forma de bola ou de pizza? aquecimento global ou calorzinho passageiro? Influenciar ou ser influenciado? Rússia ou Ucrânia? Estados Unidos ou China? Israel ou Palestina?

As respostas para essas perguntas vão depender do viés político ou religioso de quem responde. Os especialistas com seus mestrados e doutorados estão, definitivamente, desacreditados enquanto não fizerem algum curso de coaching.

Não há tempo para questionamentos quando as verdades surgem no desbloqueio de tela. Os opostos já não se atraem, é cada um por si e seus seguidores, hipnotizados pelo feed ou presos nas próprias bolhas onde as curtidas são irresistíveis, assim como o impulso de compartilhar uma fake news ou na vontade de ouvir aquele novo podcast que é igual aquele outro podcast.

A Argentina está entrando nessa mesma era, o segundo turno disputado entre Javier Milei e Sérgio Massa pareceu um filme repetido na sessão da tarde, quase um Lagoa Azul.

Às vezes fico com vontade de mandar tudo pra pra Ratanabá.

Leia outros artigos da coluna: O Som e a Fúria

Felipe Chaves


Voltar


Comente sobre essa publicação...

2 respostas para “É cada um por si e seus seguidores”

  1. Lucia Maria knebel disse:

    Texto maravilhoso 👍 adorei

  2. ANA CLAUDIA KNEBEL CHAVES CARDOSO disse:

    Muito bom !!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *