17/07/2024 - Edição 550

Campo Grande

Prefeitura lança Calendário Esportivo de 2023

Ações preveem pista de motocross e ampliação do Movimenta CG

Publicado em 28/02/2023 11:11 - Semana On

Divulgação PMCG

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

A Prefeitura de Campo Grande promoveu na semana passada o lançamento do Calendário Esportivo de 2023. O evento aconteceu no auditório da Unigran e reuniu professores, técnicos, alunos e diretores de diversas modalidades para dar o início oficial da programação deste ano.

Para este ano estão previstos grandes eventos esportivos, como os Jogos Indígenas de Campo Grande, Jogos Abertos de Campo Grande, Jogos dos Servidores de Campo Grande, Jogos Municipais dos Idosos, Jogos Escolares de Campo Grande, que reúnem mais de 50 mil participantes.

Na ocasião, também foi anunciada a construção da pista de motocross no Parque Jacques da Luz, uma parceria entre prefeitura e Projeto da CBM e Construção. Entre as principais ações destacadas, a Prefeita Adriane Lopes falou sobre o Programa Movimenta Campo Grande, com as ações de seus projetos nos parques e praças da capital, ao qual o número de participação da população é significativo.

“O Movimenta Campo Grande atrai grande público nas sete regiões de Campo Grande, como também nos dois distritos. Isso move a cidade com pessoas que amam a prática de atividades físicas e lazer, dando um ar de mais saúde e qualidade de vida a nossa cidade. Nossa grande novidade para 2023 é a construção da pista de motociclismo, que vai alavancar o esporte e outros setores da nossa Capital”, anunciou a prefeita Adriane Lopes.

O presidente da Confederação Brasileiro de Motociclismo (CBM), Firmo Henrique Alves, estava presente na solenidade e também anunciou que pretende realizar após a construção da pista, uma etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross em Campo Grande, um evento que coloca Campo Grande em destaque nacional pela modalidade, além de gerar renda para o município.

“A pista terá 1.500 metros de extensão, com cinco a sete metros de largura. A vantagem da escolha do Parque Jacques da Luz é pelo fácil acesso e a dimensão do espaço para grandes eventos. Além disso, diversos setores da cidade se movimenta junto a um evento nacional, como o hoteleiro, de restaurante, comércio, entre tantos outros, já que atrai um público que é fiel à modalidade de várias regiões do país. O valor financeiro para a cidade é imenso, são cifras de milhões”, apontou Firmo.

Em cada etapa do campeonato é esperado em torno de 2 mil pessoas. Só em participação dentro de um circuito do campeonato, são pilotos, técnicos, médicos, mecânicos; as famílias desses pilotos. O evento tem participação de pilotos de toda parte do mundo. Uma etapa do motocross leva em torno de sete a dez dias.

A intenção é realizar uma etapa do brasileiro de motocross e etapas dos campeonatos estaduais de motocross. Ainda segundo Firmo, há um público fiel de 30 mil espectadores que acompanham os campeonatos pelo país e muitos ainda que vêm de fora do Brasil.

Para construir a pista, a Fundação irá fazer parceria com a Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos – SISEP e Confederação da Confederação Brasileira de Motociclismo – CBM.

“Estamos sempre fomentando o esporte e o lazer no município por meio de nossos eventos, e, isso gera renda e valores de arrecadação para a cidade. Em nosso primeiro evento do ano, agora no início de fevereiro, Meeting Nacional de Judô já atraiu a presença de várias delegações esportivas do país, foram mais 400 atletas”, citou como exemplo o presidente da Fundação Municipal de Esporte (Funesp), Odair Serrano.

MovimentaCG

Para o MovimentaCG que realizou mais de um milhão de atendimentos no ano passado, a expectativa do ano de 2023 é superar este número. O objetivo é priorizar a qualidade dos atendimentos e com isso fidelizar os participantes.

A equipe da Fundação Municipal de Esporte quer potencializar as ações por meio de formações de professores, aulas temáticas, aulões e ampliação das oficinas temáticas em locais que ainda não receberam ações do programa.

Em 2022 foram inscritos 12.200. A equipe de agentes sociais da Fundação realizou orientações em 90 locais. Ao todo são 155 agentes sociais espalhados pelas sete regiões urbanas da cidade e distritos.

São 35 oficinas atendendo a população, nas modalidade de: academia ao ar Livre; alongamento; atletismo; baby fut; badminton; ballet; ballet aquático; basquete; beach tennis; bocha paralímpica; capoeira; fitDance; futebol; futebol americano (flag football); futebol Sete; futevôlei e futsal; ginástica artística; ginástica localizada; ginástica na cadeira; ginástica laboral; ginástica rítmica; grupo de corrida; hidroginástica; judô; Kung Fu; musculação; natação; pilates; ritbox; ritmos; treinamento funcional; voleibol; yoga e zumba.

Dentro do Programa estão as ações: I – Esporte e Lazer da Comunidade; II – Formação e Especialização Esportiva; III – Campo Grande em Ação; IV – Memória Esportiva; V – Formação Profissional; VI – Infraestrutura Esportiva; VII – Financiamento de Projetos Esportivos.

Estão dentro do Programa os projetos Lazer e Cidadania; Jovem Talento Esportivo; Escola Pública de Futebol; Sonho de Campeão; Oficina Pública de Ballet e o Brincalhão.

O Movimenta Campo Grande tem o objetivo de ampliar o acesso ao esporte e lazer aos cidadãos com a oferta de atividades físicas e esportivas, a partir de experiências que incentivem um estilo de vida ativo, contribuindo para o desenvolvimento humano e sustentável da população.


Voltar


Comente sobre essa publicação...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *