22/04/2024 - Edição 540

Campo Grande

Bolsa Família: 3,7 mil famílias podem perder benefício na capital

Beneficiários são convocados para atualizar cadastro

Publicado em 17/04/2023 12:56 - G1MS

Divulgação Marcello Casal Jr - Abr

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O governo federal pode bloquear o benefício do Bolsa Família de 3.782 famílias em Campo Grande de pessoas que dizem morar sozinhas. Os beneficiários da capital estão sendo convocados para realizar a atualização do Cadastro Único. O chamado foi feito pela Secretaria Municipal de Assistência Social (SAS).

A SAS informou que no mês abril ocorrerão os bloqueios dos cadastros unipessoais de beneficiários que entraram no programa entre agosto e dezembro de 2022. Em Campo Grande está previsto o bloqueio do benefício de 3.782 famílias.

Para regularizar a situação, o responsável familiar deve procurar o CRAS mais próximo com CPF de todos os membros da família e realizar a atualização do Cadastro Único. A partir das informações prestadas na nova entrevista, os benefícios serão reavaliados e o desbloqueio poderá ser realizado pela Secretaria Nacional de Renda da Cidadania (Senarc).

O Cadastro Único é autodeclaratório, porém as famílias respondem civil e criminalmente pelas informações prestadas. Assim, o recebimento de benefício em decorrência da omissão ou declaração de informações falsas pode levar a família a ter que devolver o valor recebido indevidamente, entre outras medidas que podem ser aplicadas pelo Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome.

Segundo o ministro Wellington Dias, o governo identificou indícios de irregularidades em 2,5 milhões de beneficiários e 1,4 milhão foram excluídos da folha de pagamento de março.


Voltar


Comente sobre essa publicação...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *