28/02/2024 - Edição 525

Mato Grosso do Sul

Dourados e Três Lagoas foram destaque na revista Veja

Publicado em 25/02/2014 12:00 -

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

Os municípios de Dourados e Três Lagoas ocupam, respectivamente, o segundo e o terceiro lugar em crescimento do emprego bom (aquele com salários acima de sete mínimos – R$ 5 mil ou mais). É o que apontou a Revista Veja. O assunto foi a manchete de capa da publicação sob o título “Sorria: Bons empregos à frente”, em que é apontado o “ranking das 10 cidades brasileiras que mais oferecem vagas com salário de 5.000 reais por mês – ou mais”.

Veja elaborou o ranking a partir dos registros do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e emprego com base no ano de 2013. O levantamento, segundo a revista, aponta “as cidade que fogem à regra da escassez de empregos bem remunerados”.

Para elaborar o ranking, além do bom desempenho em 2013, a revista considerou a perspectiva de os municípios manterem o ritmo de contratação em 2014. Dourados aparece como polo de educação e saúde de 30 municípios sul-mato-grossenses onde vivem mais de 1 milhão de habitantes.

Setor sucroenergético cria oportunidades no setor de serviços, como restaurantes, centros de estética, escolas, academias de ginástica e hospitais.

A reportagem cita a Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) com 28 cursos em 2013 e abertura de mais sete em 2014 com contratação de pelo menos mais 45 professores, além da abertura dos cursos de engenharia civil, engenharia mecânica e engenharia de computação, todas voltadas para atender a demanda das 16 usinas de açúcar, etanol e energia da região.

A revista aponta o setor sucroenergético como o que cria oportunidades no setor de serviços, como restaurantes, centros de estética, escolas, academias de ginástica e hospitais. Outro destaque da reportagem é o Hospital do Coração que há 10 anos empregava 40 pessoas e hoje 250. O hospital vai criar mais 150 empregos nos próximos dois anos.

Três Lagoas

Com aproximadamente 110 mil habitantes, o padrão de qualidade de vida em Três Lagoas é considerado alto, e entre os profissionais mais procurados estão os engenheiros técnicos da indústria química. Nos últimos 10 anos a cidade recebeu 54 indústrias e investimentos na ordem R$ 12 bilhões de reais.

O setor de Papel e Celulose bem aquecido faz jus ao título oficial da “Capital Mundial da Celulose”. Somente a fábrica de Celulose e Papel, Eldorado Brasil, investirá R$ 7,5 bilhões em sua ampliação. O ciclo de exploração mínimo da madeira é de 21 anos, o que garante mais duas décadas de crescimento e geração de novos postos de emprego.

Proveniente deste crescimento, entre os empregos promissores para o mercado de trabalho está a exigência dos profissionais de nível técnico e engenheiros químicos de produção.

Ainda para este ano, está prevista a inauguração da terceira Unidade de Fertilizantes da Petrobras do Brasil, com investimento de R$ 2 bilhões, resultando na geração de 400 novos empregos nas áreas de engenharia, administração e funções técnicas.

O ranking:

1º – Itabira (MG)
2º – Dourados (MS)
3 – Três Lagoas (MS)
4º – Saquarema (RJ)
5º – Ipojuca (PE)
6º – Maragogipe (BA)
7º – Altamira (PA)
8º – Indaiatuba (SP)
9º – Vila Velha (ES)
10º – São José do Norte (RS)


Voltar


Comente sobre essa publicação...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *