22/02/2024 - Edição 525

Mato Grosso do Sul

Defesa Civil alerta que população deve tomar cuidado com áreas alagadas

Fortes chuvas por todo Mato Grosso do Sul criaram grandes áreas alagadas que representam perigo e devem ser evitadas pela população

Publicado em 05/01/2023 9:34 - Semana On

Divulgação PMCG

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil, com base nas informações do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), alertou que após 12h de fortes chuvas por todo Mato Grosso do Sul, somando 159,02 mm, formou-se várias áreas alagadas, principalmente em Campo Grande e Coxim, mas o alerta de cuidado é para todo o Estado.

“É muita água, em um curto espaço de tempo e estas áreas alagadas se formam, pois os sistemas de drenagem não suportam essa quantidade de chuva. Então nosso alerta é que a população desvie e opte por rotas alternativas ao encontrar locais que estão nesta situação”, disse o Tenente Coronel BM Fábio Santos Coelho Catarineli, coordenador estadual da Defesa Civil.

A previsão indica tempo instável em todo o Estado na quarta-feira (4), com chuvas de intensidade moderada a forte e tempestades acompanhadas de raios, rajadas de vento e eventual queda de granizo. As chuvas devem ser mais generalizadas e podem ocorrer a qualquer hora do dia. Segundo o Cemtec (Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima de MS), as instabilidades são favorecidas pelo avanço de uma nova frente fria, aliado ao intenso transporte de calor e umidade.

Prefeitura mobiliza equipes para limpeza e atendimento à população

Na tarde (4), a prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes, acompanhada da secretária de Habitação e Assuntos Fundiários, Maria Helena Bughi , e de servidores da SAS e da Juventude, percorreu áreas afetadas pela chuva intensa que caiu desde as primeiras horas do dia na Capital. Em outros pontos da cidade, equipes e técnicos da Sisep fizeram o mapeamento e iniciaram a limpeza de ruas e avenidas.

A chefe do Executivo Municipal percorreu vários bairros em atendimento à população. O Teruel foi um desses locais. “Nós estamos aqui na comunidade Teruel trazendo atendimento emergencial de várias equipes das secretarias municipais que estão percorrendo as sete regiões da cidade atendendo as famílias que tiveram algum problema decorrente das chuvas. Nós estamos com o 156 disponível para quem precisar de auxílio e atendimento. Neste canal, a pessoa informa a necessidade e o endereço para que as nossas equipes realizem os atendimentos”, informou a prefeita Adriane Lopes.

Outros bairros que receberam o auxílio emergencial com distribuição de lonas foram o Caiobá, Parque do Sol, Ponta Araraquara, Aguadinha e Só por Deus. Ao todo, mais de 150 famílias foram atendidas logo que a chuva deu uma trégua.

O serviço 199 da Defesa Civil atendeu mais de 10 ocorrências, entre elas, no Jardim Carioca, no Bairro Monte Alegre, onde foram identificados pontos de alagamentos, queda de muro e de árvore, além da falta de energia.

Mapeamento e limpeza

A Prefeitura de Campo Grande, através do Centro de Controle Integrado de Mobilidade Urbana da Agência Municipal de Transporte e Trânsito, está acompanhando os pontos de alagamento da cidade, ocasionados pelo alto volume de água das chuvas. Foram identificados problemas nas seguintes vias: Avenida Ernesto Geisel com a Rachid Neder, Avenida Professor Luiz Alexandre com a Mato Grosso, Rua Ivan Fernandes com a Avenida Professor Luiz Alexandre, Avenida Campestre com a Thyrson de Almeida, Via Park e Rotatória da Coca.

Pela Sisep, neste período inicial, o trabalho será concentrado na limpeza de vias asfaltadas, desobstruindo as pistas onde houve acúmulo de barro e sedimentos trazidos pela enxurrada.

Com a trégua da chuva, a partir das primeiras horas desta quinta-feira (5), serão mobilizados cerca de 200 trabalhadores, além de 40 caminhões e máquinas para a sequência dos trabalhos de limpeza e desobstrução das vias identificadas pelas equipes da secretaria.

Monitoramento

Inaugurado em março de 2022, o Centro de Controle Integrado de Mobilidade Urbana possibilita ações de controle semafórico nos cruzamentos em tempo real, da área central e principais vias da Capital, além do monitoramento do sistema viário e corredores de ônibus.

O sistema possui mais de 20 câmeras de alta qualidade, com possibilidade de aproximação de até dois mil metros de distância. Desta forma, o zoom torna mais preciso e imediata a identificação de locais, os quais as equipes precisam se deslocar.

Equipes da Agetran seguem no monitoramento desses locais e de prontidão.

Serviço

A Prefeitura a colocou à disposição das famílias que vivem em residências enquadradas em “habitação de interesse social” e que tenham sido danificadas pelas tempestades, telefones para que os atingidos possam solicitar serviços de reparação. Ligação no 67 3314 – 3900 e WhatsApp no 99350 -1126.


Voltar


Comente sobre essa publicação...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *