25/04/2024 - Edição 540

Legislativo

Zeca reivindica asfalto para estradas que dão acesso a núcleos da agricultura familiar

‘Tenho o compromisso com a agricultura familiar’, afirmou o deputado

Publicado em 09/06/2023 12:09 - Semana On

Divulgação ALEMS

Clique aqui e contribua para um jornalismo livre e financiado pelos seus próprios leitores.

O deputado estadual Zeca do PT apresentou indicações em sessão ordinária realizada na quarta-feira (7) solicitando a realização de estudos técnicos para pavimentação de estradas rurais que dão acesso a assentamentos da agricultura familiar situados nos municípios de Terenos, Aquidauana, Anastácio, Selvíria e São Gabriel do Oeste.

No município de Selvíria, Zeca do PT solicitou elaboração de projeto executivo para pavimentação da MS-444, que liga a área urbana aos assentamentos Canoas, São Joaquim e Alecrim. “Os assentados precisam se deslocar dezenas de quilômetros de estrada de chão para chegarem até a cidade e a falta dessa estrutura compromete a qualidade da produção”, pontua Zeca.

Em Terenos, Zeca solicitou a pavimentação da estrada que dá acesso aos assentamentos Patagônia, Nova Era, Terra Boa, Nova Querência, São Luis do Guaicurus, Jamic, Sete de Setembro e Santa Mônica, enquanto em São Gabriel do Oeste o parlamentar reivindica pavimentação da estrada que interliga a BR-163 aos assentamentos Patativa e Itaquí.

Já em Aquidauana e Anastácio, os pedidos são para pavimentação da MS-345, que dá acesso à aldeia indígena Limão Verde, e da MS-170, que interliga os assentamentos São Manoel e Monjolinho.

“Tenho o compromisso com a agricultura familiar e essas indicações serão apresentadas como emendas na Lei de Diretrizes Orçamentárias do Fundersul de 2024. Quero democratizar o acesso à qualidade de vida e de produção da agricultura familiar. Já conversei com o governador Eduardo Riedel e ele é sensível a essa temática. O fundo possui R$ 1,4 bi a serem empenhados na pavimentação e recuperação de vias e os núcleos da agricultura familiar, aldeias indígenas e comunidades quilombolas precisam ser contemplados para que ampliem sua qualidade de produção”, justifica Zeca do PT.


Voltar


Comente sobre essa publicação...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *